Vaticano: Papa alerta para «tentações» do poder e da «mentalidade mundana»

Francisco apresentou catequese sobre «duelo» entre Jesus e Satanás

????????????????????Cidade do Vaticano, 09 mar 2014 (Ecclesia) – O Papa Francisco disse hoje no Vaticano que os cristãos devem resistir às “tentações” do poder e da “mentalidade mundana”, numa catequese dedicada ao “duelo” entre Jesus e Satanás relatado pelos evangelhos.

“Jesus recusa decididamente todas estas tentações e reafirma a firme vontade de seguir o caminho estabelecido com o Pai, sem qualquer cedência ao pecado e à lógica do mundo”, declarou, antes da recitação da oração do ângelus, perante dezenas de milhares de pessoas reunidas na Praça de São Pedro.

Numa abordagem a um dos temas mais presentes nas suas intervenções, neste ano de pontificado, Francisco apresentou Satanás como um “sedutor”, com o qual não se deve “dialogar” nem negociar.

“O tentador procura desviar Jesus do projeto do Pai, ou seja, do caminho do sacrifício, do amor que se dá a si mesmo em expiação, para o fazer seguir um caminho fácil, de sucessor e poder”, observou.

Em comentário à passagem do Evangelho que aborda as “tentações” de Jesus no deserto, antes do início da sua vida pública, o Papa disse que Cristo foi confrontado com as “falsas esperanças messiânicas”: “O bem-estar económico, indicado pela possibilidade de transformar as pedras em pão; o estilo espetacular e miraculoso, com a ideia de atirar-se desde o ponto mais alto do templo de Jerusalém para ser salvo por anjos; e, finalmente, o atalho do poder e do domínio, em troca de um ato de adoração a Satanás”.

Francisco destacou que a resposta de Jesus mostrou que ‘nem só de pão vive o homem’, o que dá “força” a cada cristão na “luta contra a mentalidade mundana que rebaixa o homem para o nível das necessidades primárias, fazendo-o perder a fome do que é verdadeiro, bom e belo”.

“Temos de desfazer-nos dos ídolos, das coisas vãs, e construir a nossa vida sobre o essencial”, acrescentou.

No primeiro domingo da Quaresma, o Papa pediu que este tempo litúrgico seja uma “ocasião propícia” para fazer um “caminho de conversão”.

“Renovemos as promessas do nosso Batismo: renunciemos a Satanás e a todas as suas obras e seduções”, apelou.

Francisco vai iniciar hoje uma semana de exercícios espirituais, com os seus colaboradores da Cúria Romana, durante a qual são cancelados quaisquer compromissos oficiais.

OC

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s